Korpiklaani @ Clash Club – São Paulo/SP – 2012

Publicado em:

Mais uma noite folk com muita atração, música e cerveja em uma noite fria e intimidadora na capital paulista, noite esta, que não foi suficientemente ruim para espantar os inúmeros fãs da banda KORPIKLAANI presentes no Clash Club, onde também ocorreram o show da banda ENTHRING e as batalhas da ORDO DRACONIS BELLI.

Texto: Eduardo Escobar
Fotos: Marcos Cesar “bullino”

A primeira atração da noite, foi a já tradicional participação nesse tipo de evento da ORDO DRACONIS BELLI, que se apresentou no meio do público por duas vezes – antes e depois do show da banda ENTHRNG – na primeira, com uma encenação padrão de batalhas 1 contra 1, já na segunda, uma grande cena de briga de bar com camponesas como troféu e várias batalhas simultâneas

Já a banda finlandesa ENTHRING, ficou responsável por abrir a sessão de shows da noite. Esforçados e com uma pegada Children of Bodom do Viking Metal, a banda inicialmente sofreu com ajustes de som e a falta de integrantes, deixando claro que não importa se a banda é estrangeira ou nacional, se ela carrega a alcunha de banda de abertura em um show, algo dará errado ou pelo menos.

Um pouco depois das 21 horas, o KORPIKLAANI finalmente entrou no palco emendando a música “Hunting Song” que mostrou desde o início que para curtir um show do Korpiklaani era preciso acima de tudo, ter muito preparo físico! A festa folk continuou com “Jorney Man”, “Cottages And Saunas”, e “Juodaan Viinaa”, com o público em frente ao palco totalmente espremido pelos que faziam as contantes rodas logo atrás.

A banda também abriu caminho para novas canções que ainda nem foram lançadas, foi o caso de “Metsälle” que estará presente no próximo lançamento, marcado para Agosto deste ano.

Outra agradável surpresa, foi ver que o mais recente integrante da banda, o violinista Tuomas Rounakari diferente de seu antecessor, participa ativamente dos shows, dança, agita e premia os fãs com um solo de violino no meio do show.

Um dos grandes momentos da apresentação foi em “Vodka”, provavelmente a música mais conhecida pelos fãs brasileiros, com o adicional positivo por ser uma música em inglês, e não em finlandês! Nesta música, a banda ofereceu bebida para os fãs mais a frente ao palco, só deveriam ter avisado Jonne que por aqui não é permitido fumar em lugares fechados (rs).

A última parte do show, antes do Bis foi matadora!!! “Wooden Pints”, a versão cover de “Iron Fist”, do Motorhead, que ficou simplesmente perfeita, “Happy Little Boozer” que colocou a casa abaixo reanimando os que já estavam com as energias esgotadas há um bom tempo, e as alcoólicas “Tequila” e “Beer Beer”. Um show extremamente divertido e intenso.

Aos gritos de One more song, a banda retornou ao palco do Clash Club para colocar um ponto final na celebração folk que ali se fazia presente. “Pellonpekko”, “Tuoppi Oltta” e “Il Lea Voibmi” confirmaram o retorno por mais e mais vezes da banda ao Brasil, pois o sentimento de devoção e prazer demonstrado pelo público é nitidamente recíproco.

Setlist da banda Enthring:
1. The Grim Tales of the Elder
2. I, the Exiled
3. Rend me Asunder
4. Maelstrom
5. The Vengeance Orchestra
6. Realm of the Forsaken
7. The Last Heartbeat of an Era
8. Silent Chanter
9. Citadel

Setlist do Korpiklaani:
1. Hunting Song
2. Journey Man
3. Cottages & Saunas
4. Juodaan Viinaa
5. Lonkkaluut
6. Kipumylly
7. Metsälle
8. Vaarinpolkka
9. Vodka
10. Wooden Pints
11. Iron Fist (Motorhead cover)
12. Happy Little Boozer
13. Tequila
14. Beer Beer

Bis
15. Pellonpekko
16. Tuoppi Oltta
17. Il Lea Voibmi

Agradecimentos à produtora CP Management e à The Ultimate Music pela atenção e credenciamento.
Agradecimentos ao Fernando Júnior da Rock on Stage por ceder as fotos.

BA2014_poster_en_small