Arkona @ Clash Club – São Paulo/SP (28/04/12)

Completando 10 anos de carreira, a banda russa de Folk/Pagan Metal Arkona finalmente estava em turnê pelo Brasil, aproveitando a onda Folk/Viking/Pagan que até o momento melhor se destaca no Sul e Sudeste do Brasil.

Texto: Edu Escobar
Fotos: Edu Lawless (Clique aqui para mais fotos)

Antes da atração principal tivemos 3 atrações, dentre elas a banda Skaldic Soul, de Jundiaí-SP, que vem se firmando na cena local, e que é atração confirmada do próximo Thor HammerFest 5, em São Paulo, no mês de Julho. Além disso, foi possível conferir uma apresentação de dança russa e a Ordo Draconis Belli marcando presença com suas encenações de batalhas medievais, lembrando que ambas atrações, dança e luta, aconteceram duas vezes (antes e após ao show da Skaldic Soul).

Pontualmente ás 21 horas, Masha “Scream” Arhipova (vocalista), Ruslan “Kniaz” (baixista), Vlad “Artist” Sokolov (baixista), Sergei “Lazar” (guitarrista) e Vladimir “Volk” (Flauta e Gata de Fole) subiram ao palco do Clash Club ao som da introdução e logo iniciaram a música “Arkaim”.

Apesar do calor, Masha apareceu trajada com uma pele de lobo, e pulava, jogava cerveja (realmente espero que seja cerveja!), incitava o público, e andava de um lado para o outro freneticamente, dando à crer em uma possível imunidade térmica ou em um efeito mágico causado pela vodka Russa!

Se o objetivo nos shows do Arkona é retratar uma grande festa de bar em um cenário medieval, o objetivo é facilmente alcançado por diversas vezes: “Ot Serdca K Nebu”, “Goi, Rode, Goi!”, “Leshiy”, “Slovo” e “Pamiat” fizeram o público mais eufórico curtir o show no que resultava em um bate-cabeça-pulante!

Masha mostrava seu inglês carregadíssimo de sotaque russo durante as breves pausas do show, Sergei(guitarra) e Vladimir(flauta/gaita de fole) até tentavam acompanhar o ritmo de empolgação de Masha, e o único revés no quesito interação com o público foi do baixista Ruslan, que se mostrou bem apagado durante todo o show.

Seguindo com o show, a bela “Slavsya Rus” para acalmar os ânimos e um pouco do calor, e uma das mais comemoradas da noite, “Zakliatie” que em meio à tantas palavras russas tem um refrão com dificuldade zero!

As ótimas “Katitsja Kolo”, “Kolomiyka”, “Marena”, “Po Syroi Zemle” e “Kupalets” terminaram a parte normal do show, submergindo o público hora no Death Metal ou Folk russo e em muita mitologia eslava.

Já durante o bis, que por sinal foram dois, antes que a música “Stenka na Stenku” se iniciasse, Masha convocou todos para o Wall of Death, realizado com sucesso. “Solntsevorot”, “Maslenitsa”, “Yarilo” e “Kupala I Kostroma” encerraram com louvor a apresentação de 1h45min, que passou tão rápido que seria possível ficar no Clash Club a noite toda ouvindo Arkona e bebendo cerveja.

Set List:
1. Arkaim
2. Ot Serdca K Nebu
3. Goi, Rode, Goi!
4. Leshiy
5. Slovo
6. Pamiat
7. Slavsya Rus
8. Zakliatie
9. Katitsja Kolo
10.Kolomiyka
11.Marena
12.Po Syroi Zemle
13.Kupalets
14.Stenka na Stenku
15.Solntsevorot
16.Maslenitsa
17.Yarilo
18.Kupala I Kostroma

Agradecimentos finais ao Costábile da The Ultimate Music Press e à CP Management

Banda(s) / Artista(s):

Tags: Arkona, Clash Club, CP Management

Comentários:

Sobre o autor:

Eduardo Escobar:
Paulistano, trabalha com TI e é um eterno estudante de Ciência da Computação. Vocalista nas horas vagas, foi iniciado pelo Iron Maiden há muito tempo, curte Futebol, Truco, Poker, Stoner/Sludge/Doom Metal mas não dispensa bandas de outras vertentes. Aqui na A ILHA DO METAL, é responsável pela parte administrativa do site, mas também publica conteúdo.@eduescobar Facebook

já escreveu 2090 artigos para a Ilha do Metal.