Anthrax @ Opinião – Porto Alegre/RS (10/11/2017)

Com tanta banda boa vindo pra Porto Alegre este ano, fica difícil acompanhar tudo, pesa no bolso e no relógio. Mas o público não quis nem saber e compareceu em peso para ver a apresentação do ANTHRAX, um dos monstros do Thrash Metal, que  fez os gaúchos esperarem 5 anos para vê-los novamente por aqui.

Valeu a espera? Bem, antes mesmo de começar a cantar “Among the livng”, o carismático vocalista Joey Belladonna e cia. já tinham o público nas mãos. Todas as partes, banda e público, deixaram o Opinião bem barulhento naquela noite de sexta-feira, e o show estava apenas começando. Pra manter a empolgação da galera, a banda já encaixou “Caught in a Mosh” na sequência, obviamente não faltou circle pit pra combinar com o momento. Geralmente as bandas tocam músicas do último álbum no começo do show, para divulgação. Mas parece que o ANTHRAX estava a fim de voltar no tempo, e dá-lhe mais clássico!! “Got the Time” “Madhouse” deram sequência na noite. Se alguém ainda tinha alguma dúvida de porque o ANTHRAX é um dos Big Four, com certeza saiu convencido depois deste show! Mas a noite prometia muito mais.

Uma grande marca do ANTHRAX é a excelente presença de público, destaque para o baixista Frank Bello na “Fight’em ‘til you can’t”, que é matadora ao vivo! A banda finalmente resolve tocar alguma coisa do ‘For All Kings’, e vem então uma das baladas da noite, “Breathing Lightning”, apresentada ao público pelo guitarrista Scott Ian, após agradecer e elogiar muito o público gaúcho. Ian estava bem mais feliz que o normal nesta noite haha. A banda estava realmente curtindo o show, e a gente também !!

De volta aos clássicos, a banda manda na sequência “Medusa”, “I am the Law” e “March of the S.O.D.” Depois veio a bela “Blood Eagle Wings”, seguida por “Be All, End All”, com Jon Donais impecável nos solos, mostrando que merece muito fazer parte desta banda monstra.

Dois clássicos absolutos que não podem ficar de fora são “Antisocial” e “Indians”, e foi com estas que o quinteto encerrou a noite no Opinião. Um show direto, rápido e intenso, exatamente como se espera de uma grande banda de Thrash Metal.

Só um ponto negativo, a banda podia ter tocado a faixa título do último álbum, “For All Kings”, já que a turnê ainda não tinha passado pela capital gaúcha. Se bem que com tanto clássico, os fãs nem devem ter notado, principalmente os das antigas.

Setlist:

01. Among the Living
02. Caught in a Mosh
03. Got the Time (Joe Jackson cover)
04. Madhouse
05. Fight ‘Em ‘Til You Can’t
06. Breathing Lightning
07. Medusa
08. I Am the Law
09. March of the S.O.D. (Stormtroopers of Death cover)
10. Blood Eagle Wings
11. Be All, End All
12. Antisocial (Trust cover)
13. Indians

Agradecimento à Abstratti Produtora pelo credenciamento.