Paul Di’Anno é acusado de fraude previdenciária

Esta notícia é antiga e foi publicada à 7 anos atrás.

Você pode encontrar novas notícias através do arquivo de notícias da Ilha do Metal

Paul Di’Anno, ex-vocalista da banda de Heavy Metal britânica, Iron Maiden,  é acusado de ter fraudado o sistema previdenciário britânico.

Paul admitiu ter oito acusações por benefícios ilegais de afastamento no valor de mais de 45 mil libras, o equivalente a R$ 120 mil. A sentença final sai no dia 11 de março.

Paul foi o primeiro vocalista do Iron Maiden a gravar um álbum com eles e o terceiro na ordem da agora legendária banda inglesa, entre 1978 e 1982.  Porém, foi expulso da banda devido a problemas com drogas e substituído por Bruce Dickinson.

Fonte: Rock em Geral