Metallica: baterista é processado por ex-assistente pessoal

Esta notícia é antiga e foi publicada à 6 anos atrás.

Você pode encontrar novas notícias através do arquivo de notícias da Ilha do Metal

De acordo com o Marin Indepedent Journal, o baterista da lendária banda norte-americana de Thrash Metal, Metallica, Lars Ulrich está sendo processado por seu ex-assistente pessoal, Steven Wiig, em que alega anos de horas extras não pagas. Wiig  disse em seu processo que ele foi empregado de Ulrich de 2001 a 2009, algumas vezes trabalhando até 70 horas por semana enquanto Ulrich estava em casa e até 80 horas por semana enquanto o Metallica estava em turnê.

Wiig também alega que trabalhou como chauffeur de Ulrich, gerenciou sua coleção de arte, organizou sua agenda e realizou diversas outras tarefas pedidas.

Fonte: Metallica Remains