Apocalyptica: ” Heavy Metal é uma família, pessoas que respeitam uns aos outros”

Após muitos rumores e boatos nas redes sociais, a orquestra rock Apocalyptica finalmente está de volta ao Brasil. A produtora Rádio & TV Corsário orgulhosamente confirmou apresentação do cultuado grupo finlandês para o dia 26 de novembro, na Tropical Butantã, em São Paulo.

Neste momento, a banda está na estrada com a turnê comemorativa aos 20 anos de lançamento de “Plays Metallica by Four Cellos“, álbum que traz impressionantes versões para clássicos do Metallica tocadas por violoncelos.

Com este trabalho de estreia, a banda ficou mundialmente famosa, ganhou disco de ouro na Polônia e platina na Finlândia, vendendo aproximadamente um milhão de cópias.

Mikko Sirén o baterista da banda, durante a Tour nos atendeu com exclusividade e falou sobre esse fenômeno do Metal, sua participação em Festivais e a expectativa em voltar ao nosso país. 

A Ilha do Metal -) Sejam bem vindos de volta ao Brasil , sejam bem vindos A Ilha do Metal.

 Mikko Sirén – ) Obrigado você por encontrar um tempo para conversar com a gente

A Ilha do Metal -) Quando vocês e encantaram o mundo tocando clássicos do Metallica, do Heavy Metal com a sua musicalidade, vocês esperavam todo o sucesso e que duraria tanto?

 Mikko Sirén – ) De jeito nenhum. Há mais de 20 anos atrás, quando haviam 4 músicos estudando música clássica, o pensamento era apenas tocar Heavy Metal por diversão. Os músicos não imaginavam que isso poderia ser duradouro, muito menos que o público acharia interessante. Então, cada passo que nós damos, cada show que tocamos e cada fã que conhecemos, tem sido uma honra e uma surpresa para nós. É uma grande honra podermos continuar tocando a música que amamos depois de 20 anos de estrada, e o público comparece. É uma grande honra, então sempre que pisamos no palco queremos dar nosso melhor.

A Ilha do Metal – ) Vocês tocaram em Wacken dias atrás, e são bem recebidos em Festival de todoo tipo, como é para vocês tocar nesses Festivais com bandas de estilos bem diferentes.. Como é para você tocar nesses Festivais?

Mikko Sirén – ) Tem sido ótimo! Estando na estrada há tanto tempo, já tocamos pelo menos uma vez na maioria dos festivais de Metal, em alguns já tocamos mais vezes. Para mim, uma das melhores coisas do heavy Metal, é que o Heavy Metal é uma família. Pessoas que amam o mesmo estilo de música, pessoas que respeitam uns aos outros. Não existe violência ou hostilidade, não existe racismo. Todos abraçam a mesma boa causa, todos juntos, este é o espírito no Heavy Metal. É algo que eu realmente adoro. E poder tocar em festivais com bandas dos mais variados estilos de Heavy Metal é fantástico. As bandas complementam umas às outras. Algumas tocam Hardcore, outras tocam Metal sinfônico melódico, e a gente se encaixa num meio termo. É ótimo!

A Ilha do Metal – ) Voltando a turnê Sulamericana e seu show único aqui em São Paulo, Qual a diferença de tocar em um Festival e em um show solo, e como vocês se preparam para um Festival e como se preparam para um show solo como esse no Tropical Butantã?

Mikko Sirén – ) Quando tocamos só a gente, os shows podem ser mais longos. E desta vez, faremos um show muito especial, pois é a turnê de aniversário de 20 anos do nosso primeiro álbum, ‘Plays Metallica by Four Cellos’. Nós convidamos os violoncelistas originais da banda para tocar a primeira metade do show, que consiste no primeiro álbum do começo ao fim. Apenas 4 caras tocando violoncelo no palco, sem cortes, na íntegra. Depois nosso baterista entra e tocamos a segunda metade do show.  Já em festivais, por causa do tempo mais curto, não podemos fazer tudo isso. Nossos shows solo são também muito teatrais, caracterizados pelo jogo de luzes e montagem do palco.

A Ilha do Metal – ) Qual o sonho como musico que já realizou e qual sono ainda falta realizar?

Mikko Sirén – ) Eu como músico, sempre me vejo carregando uma tocha, aquela chama que foi acesa em algum lugar no início dos tempos, e as pessoas a tem carregado por milhares de anos, aquela chama sempre acesa, e um músico segura esta tocha no momento em que ele decide ser um músico. E ele carrega esta chama e fogo de sua vida, e a passa adianta quando seu tempo terminar. E é assim que eu sinto o que é ser um músico, ser parte desta continuidade e trazer minha pequenina contribuição para esta tradição. Eu, que espero ainda não ter atingido nem metade da minha carreira, sinto que este sempre foi o meu sonho, desde que eu tinha 3 ou 4 anos eu queria ser músico, este é o meu maior sonho realizado, fazer parte deste mundo da música e ser um dos carregadores desta tocha. E eu ainda sonho que um dia, quando eu olhar para trás, eu apenas veja no passado a felicidade de ter feito parte de tudo isso. Então, por um lado eu já realizei o meu maior sonho, e por outro eu sonho em continuar vivendo este sonho o máximo de tempo que eu puder.

 A Ilha do Metal – )Caralho que resposta, agora um desafio, pensem em seu estilo, e fosse cover um cover, mas uma música POP no estilo de vocês, qual seria

 Mikko Sirén – ) Neste momento, putz, um tempinho por favor…….. eu diria que poderíamos fazer um cover do…. poderia ser “Eminem – Lose yourself”, ou poderia ser… hmm… hmmm… algo do “Massive Attack”, que seria considerado mais ‘pop music’.

A Ilha do Metal – ) Massive Attack? Seria fácil no estilo de vocês…

Mikko Sirén – )Eu acho que sim. A princípio, se você escutar irá dizer que é um estilo completamente diferente de música, mas eu acho que existe alguma seriedade, um tom sombrio na música do Massive Attack que de algum modo, eu acho que tocamos de forma similar.

A Ilha do Metal – ) Agora vocês tem o Frankie como vocalista, mas qual a diferença nos shows com um vocalista já que antes não tinham, como viram essa diferença?

 Mikko Sirén – ) Nesta turnê especificamente, em que celebramos os 20 anos do álbum que tocamos Metallica, o show é todo instrumental, então o Frankie não está em turnê com a gente. Mas excursionar com ele, eu diria que ele traz a voz do Apocalytica, ele é um super músico, um cantor maravilhoso, muito capaz de representar as emoções do Apocalyptica, eu gosto muito quando ele canta. Mas ele não está nesta turnê, porque ela representa o início da banda, quando tocávamos Metallica. Exceto por adicionar o baterista, esta turnê retoma os velhos tempos da banda.

 A Ilha do Metal – )Então fica a convocação para voltarem com o Frankie. E eu gostaria de ouvir algo do Shadowmaker.

 Mikko Sirén – ) Haha, adoraríamos! Com certeza voltaremos para tocar músicas do Shadowmaker. Como eu disse, esta turnê é muito específica, é uma comemoração onde vamos tocar apenas Metallica, e estamos fazendo esta turnê uma única vez. Espero que o público goste, já que não temos tocado Metallica com tanta frequência.

A Ilha do Metal – ) Sobre o futuro, shadowmaker já tem 3 anos, como está o próximo álbum?

Mikko Sirén – ) Sim, estamos bem no início da composição de novas músicas, estava conversando ontem mesmo sobre isso. Temos nos dedicado nas semanas que não estamos em turnê, fazendo a parte de composição das músicas. Então já começamos, mas estamos com a agenda cheia este ano por causa da turnê, estaremos em turnê por um ano. De agora até o fim do ano, acho que temos apenas duas semanas livres, então estamos sem tempo de entrar em estúdio este ano. Mas começaremos as gravações ano que vem, então vamos lançar algo novo.

A Ilha do Metal – ) Muito obrigado mesmo

 Mikko Sirén – ) Muito obrigado pelo seu tempo. E por favor, vem falar um oi, você é de São Paulo mesmo? Então venha nos cumprimentar quando tocarmos em sua cidade, vamos conversar sobre o que estamos fazendo, podemos tomar umas cervejas.

 A Ilha do Metal – ) Cerveja sempre é bom , agora a mensagem aos seus fãs e nossos leitores.

 Mikko Sirén – ) Não tenho palavras para descrever a felicidade em voltar para o Brasil, e o quão entusiasmados estamos em tocar mais shows no país desta vez. É a primeira vez que faremos uma mini-turnê no sul/sudeste do Brasil, tocaremos 5 shows aí! É fantástico! Estamos sempre muito felizes no Brasil, o povo nos trata muito bem, fãs apaixonados, incríveis e amáveis, que respeitamos e adoramos, não vemos a hora de ver todos vocês. Por favor, venha nos prestigiar, como eu disse será uma turnê muito especial. E venham falar um oi, vamos papear e tomar umas cervejas.

Serviço São Paulo
Rádio & TV Corsário orgulhosamente apresenta Apocalyptica
Data: 26 de novembro de 2017
Local: Tropical Butantã – www.tropicalbutanta.com.br
End: Av. Valdemar Ferreira, 93 – 200m da estação Butantã da Linha Amarela do Metrô
Horário: 19h (open doors) | 20h (showtime)
Imprensa: press@theultimatemusic.com | 11 964.197.206
Capacidade: 2.500 lugares
Chapelaria : R$ 10,00
E-mail: contato@tropicalbutanta.com.br
Telefone: (11) 3031.0393
Censura: 16 anos
Estacionamento: nas imediações da Tropical Butantã (sem convênio – valor entre R$20 e R$ 40/periodo)
Estrutura: ar-condicionado, acesso para deficientes somente na pista, área para fumantes e enfermaria

SETORES/VALORES – 1° LOTE
Pista meia entrada/estudante: R$ 90,00
Pista promocional*: R$ 90,00
Pista inteira: R$ 180,00
Camarote meia entrada/estudante: R$ 160
Camarote promocional*: R$ 160
Camarote inteira: R$ 320,00
*ingressos promocional devem levar 1kg de alimento não perecível exceto sal e açúcar para doação no dia do evento.

Informações e compra de ingressos:
BILHETERIAS TROPICAL BUTANTà(Posto de venda sem taxa de conveniência)
Horário: Segunda à sábado das 11h às 18h | Formas de pagamento: apenas dinheiro

COMPRA PELA INTERNET – https://ticketbrasil.com.br/show/4941-apocalyptica-saopaulo-sp/
***Pontos de venda autorizados em São Paulo, Santo André, São Bernardo, São Caetano, São Mateus, São Bernardo do Campo, Osasco, Guarulhos.
(Formas de Pagamento: dinheiro, cartões de crédito Visa, MasterCard, American Express e Dinners Club)

Joker – Galeria do Rock*
Av. São João, 439 – 2º andar loja 322 – São Paulo – SP
Horário: Segunda à sábado das 10h às 18h.
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, Diners Club International e hipercard.

School of Rock – Moema*
Rua dos Chanés, 263 – Moema – São Paulo – SP
Horário: Segunda à sexta das 9h às 20h. Sábado das 9h às 14h.
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, Diners Club International e hipercard.

Metal Music – Santo André*
Rua Dona Elisa Fláquer, 184 – Centro – Santo André – SP
Horário: Segunda à sexta das 10h às 18h30, sábado das 10h às 17h30.
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, Diners Club International e hipercard.

School of Rock – Jardins*
Rua Batataes, 187 – Jardins – São Paulo – SP
Horário: Segunda à sexta das 9h às 22h. Sábado das 9h às 14h.
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, Diners Club International e hipercard.

X Play Games – Itaim Bibi*
Rua João Cachoeira, 789 – Itaim Bibi – São Paulo – SP
Horário: Segunda à sexta das 10h às 19h, sábado das 10h às 18h.
Formas de pagamento: Somente dinheiro

Age Of Dreams – São Bernardo*
Av. Marechal Deodoro, 1754 – 2º Andar loja 33/36 – Centro – São Bernardo do Campo – SP
Horário: Segunda à sábado das 9h às 19h.
Formas de pagamento: Somente dinheiro

School of Rock – São Caetano*
Rua São Paulo, 1154 – Ceramica – São Caetano – SP
Horário: Segunda à sexta das 10h às 22h
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, American
Express, Diners Club International, Elo.

Twister Games – Itaquera*
Shopping Itaquera – Rua Manoel da Nobrega, 712 – Loja 338/339 Piso Paineira – Diadema – SP
Horário: Segunda à sabado das 10h às 22h – Domingo das 14h às 20h.
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, American Express, Diners Club International.

King Musical – São Mateus*
Av. Maria Cursi 645 – Cidade de São Mateus – São Paulo – SP
Horário: Segunda à sábado das 9h às 18h
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, Diners Club International e hipercard.

Choke – São Bernardo do Campo*
Golden Square Shopping – Av. Kennedy, 700 – Loja 309 – Piso 3
Horário: Segunda à sábado das 10h às 22h – Domingo das 14h às 20h
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, Diners Club International.

Acervo Musical – Osasco*
Av. Dona Primitiva Viannco, 516 – Centro – Osasco – SP
Horário: Segunda à sábado das 8:30h às 19:30h
Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, Diners Club International e hipercard.

Halloween Rock Wear – Guarulhos*
Comercial Fenix – Rua Luis Gama, 79 – Loja 4 – Centro – Guarulhos
Horário: Segunda à sábado das 10h às 19h
Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, Diners Club International e hipercard.

Toy Game Store – Vila Guilherme*
Carrefour Tietê (Vl. Maria) – Av. Morvan Dias De figueiredo, 3177 – Loja 11 – Vila Guilherme – São Paulo – SP
Horário: Segunda à sábado das 10h às 22h – Domingo das 10h às 22h
Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, Diners Club International e hipercard.

*Ponto de venda sujeito a taxa de conveniência
**** Para a compra de ingressos para estudantes, aposentados e professores estaduais, os mesmos devem comparecer pessoalmente portando documento na bilheteria respectiva ao show ou nos pontos de venda. Esclarecemos que a venda de meia-entrada é direta, pessoal e intransferível e está condicionada ao comparecimento do titular da carteira estudantil no ato da compra e no dia do espetáculo, munido de documento que comprove condição prevista em lei;
***** A produção do evento NÃO se responsabiliza por ingressos comprados fora do site e pontos de venda oficiais;
****** É expressamente proibida a entrada com câmeras fotográficas e filmadoras profissionais ou semi-profissionais.

 

 

 

Banda(s) / Artista(s):

Tags: Apocalyptica

Comentários:

Sobre o autor:

Marcos Cesar de Almeida:
"Metaleiro das antigas" ou Tiozinho dos shows, Torcedor do Monte Azul, ouço todas as vertentes do Metal, Hard, folk, death, THrash, tendo distorção e bem feito tá valendo. Twiter : @BULLINO

já escreveu 2028 artigos para a Ilha do Metal.